Antes da licitação do Transporte Coletivo, a Viação Tamandaré já operava dentro de Curitiba desde 2003, em tabelas que anteriormente pertenciam a Auto Viação N. S. do Carmo. Através do Grupo Melissatur, a operação urbana se deu com carros prefixados nas empresas Campo Largo, Tamandaré e Antonina.

Com o grupo participando da licitação através do consórcio Pioneiro, a empresa passou a utilizar prefixo próprio, a letra K, dentro das especificações para operação dentro de Curitiba. Desta forma, ao longo dos anos, todos os veículos disponíveis na frota urbana foram deixando de ter prefixos iniciados em 16, 22 e 24 para receber o K.

E como ficou a prefixação da frota? “Quem era quem”? Mudanças de prefixos sempre causam certa confusão e dificuldade de assimilação no início. Por isso, nosso colaborador Jonas de Almeida Cabral fez uma listagem com todos os carros da Viação Tamandaré Urbana que tiveram mudança nos prefixos:

ALIMENTADORES

Atual Anterior
KA699 16R40
KA698 16R41
KA697 22R31
KA696 22R32
KA695 22R34
KA694 16R43
KA693 16R45
KA692 16R46
KA691 16R47
KA690 16R48
KA689 16R49

 

INTERBAIRROS

Atual Anterior
KB499 24B01
KB698 22R12
KB697 22R13
KB696 22R14
KB695 22R15
KB694 22R16
KB693 22R17

 

CONVENCIONAL

Atual Anterior
KC498 16C36

KC498-472

 

EXPRESSO

Atual Anterior
KE849 16D03
KE848 16D06
KE847 16D09
KE846 16D10
KE845 16D11
KE844 16D12
KE843 16D13
KE842 16D14
KE841 16D15
KE840 16D16

 

Agradecimento ao Jonas de Almeida Cabral Neto pela disponibilização das informações e imagens.

Sobre o autor

Fundador do Site Ônibus de Curitiba. Admirador de ônibus e modais de transporte desde sempre. Para Diego tudo podia virar ônibus, desde brinquedos, bicicletas, vídeo-games de corrida e até mesmo carros. Quem nunca brincou de fazer linha com algum desses itens? Pois é, Diego sempre fez. Também é fã de tecnologia e gosta de conciliar ambos os gostos, mas nem por isso deixa de encantar-se com modelos clássicos, que não eram dotados de tanta tecnologia assim.

Posts Relacionados